Tags

,

não violência

 

 

Muitos pensam que o conceito de “não violência”, e até mesmo de “Direitos humanos”,  servem para tolerar crimes e criminosos. Na verdade é uma luta para se impedir o círculo vicioso do mal, para mudar a cultura de violência em que os tais crimes se desenvolvem.

Os conceito cristãos de “oferecer a outra face”, “pagar o mal com o bem” e “pensar antes de atirar pedras” são mais profundos do que se pensa.

Num primeiro momento pode parecer fraqueza, mas ao final corta o mal pela raiz e gera bem-aventurança. Como também disse Jesus:

“Bem aventurados os mansos, porque herdarão a terra” (Mt 5.5)

“Bem aventurados os pacificadores, porque serão chamados filhos de Deus” (Mt 5.9)

Anúncios